Você conhece o seu vizinho?

Sim...aquele que deixa o saco de lixo fora da lixeira, aquele que nem mesmo levanta o olhar para lhe dar um simples bom dia, ou o desvia para não lhe dar boa noite, aquele que não estende a mão para abrir a porta do elevador quando você dá aquela corridinha para tentar chegar a tempo, ou mesmo aquele que estaciona o carro torto na garagem e deixa-o assim mesmo até a próxima partida, ou será aquele que viaja no final de semana e deixa seu animal preso em casa, aí você descobre todos os tipos de uivos e latidos que possam existir


Você ouve os mais variados barulhos: máquina de lavar, salto alto, reformas e bateções, TV alta, crianças e adultos gritando ou falando alto, buzinas, músicas no volume máximo (e você não é tão eclético assim), gritarias, ouve-se até a panela de pressão, e quando não sente o cheiro da comida queimada (geralmente arroz)! 

Então eu pergunto: QUEM É O VIZINHO DO SEU VIZINHO? Quem é o outro na sua relação com o outro? Você é um bom vizinho? Será que nunca precisou de um vizinho que lhe socorresse pra guardar as chaves de sua casa? Ou olhar seu filho no playgroud, ou emprestar uma ferramenta, ou até indicar uma secretária do lar? 

Quem é você nessa situação, o vizinho que acorda muito cedo ou o vizinho que dorme muito tarde; assim, quem zelará pelo descanso e sono do outro? Que seja você o agente propagador de boas maneiras e lance uma boa ideia! Campanha do Mês: Olá, sou seu vizinho, vamos nos conhecer?

Por Quelem Machado - Diretora de Promoção de Cursos ASSOSÍNDICOS-DF.
TAG